A Educação profissional é a base da profissão.

A Educação profissional é a base da profissão.
Arquivo HighPluss Treinamentos, 2017.

quarta-feira, 7 de março de 2012

O Temporário e a Prestação de Serviços

Publicado por José Rovani Kurz, Diretor na HighPluss, Palestrante e Professor Universitário.


O foco desse artigo é refletir com os leitores em especial, os empresários para o fato que se


repete no segundo semestre de cada ano para a realidade de uma contratação de temporários
visando atender um aumento de produção e serviços nas empresas industriais, comerciais e
serviços.

A questão que necessitamos pensar é:
 
Como é possível um temporário prestar uma excelência na qualidade dos serviços
oferecidos ao cliente?

São diversos os fatos que são constatados durante esse período que antecede as festas de
final de ano, como: clientes entram e saem das lojas sem um atendente saber quais são as
necessidades. Outras situações de atendentes oferecendo produtos sem saber do cliente quais são
suas necessidades. Induzindo o cliente a tomar decisões desfavoráveis e consequentemente ficar
descontente com o estabelecimento comercial. Pessoas que atendem no caixa e cometem falhas na
devolução do dinheiro. Devoluções de produtos com defeitos ou escolhas de produtos
equivocados. Atendimentos telefônicos ineficientes. E aí segue-se diversas situações conflitantes
entre o cliente final e o prestador de serviços...

Considero importante que desde a escolha, avaliação, aprovação e a integração do
temporário no seu ambiente de trabalho, são etapas que devem ser bem analisadas por todos para
que as expectativas da empresa e do temporário sejam bem entendidas para atingir a excelência na
qualidade dos serviços oferecidos durante o atendimento ao cliente.



O temporário preparado emocionalmente e tecnicamente sem dúvida irá gerar ótimos
serviços para a empresa e ao cliente final. Cliente satisfeito irá voltar para fazer outros negócios e
também irá falar bem da empresa e das pessoas que se relacionaram com ele.

É importante que o temporário seja preparado para lidar com as diferenças dos clientes,
porque cada um tem uma expectativa de atendimento e necessidade de produtos e serviços
diferenciados. Preparar o temporário para fazer abordagens perante o cliente é uma orientação que
deve vir da experiência e conhecimento dos lideres que gerenciam a empresa, para que a empresa
seja um diferencial de qualidade nos serviços oferecidos aos seus clientes.

A função do gestor, supervisor ou outra denominação que seja referenciada na empresa,
refletem o papel da liderança situacional em estabelecer orientações técnicas e comportamentais
para que o temporário tenha condições de desempenhar sua função da melhor maneira e passar
uma imagem positiva da empresa ao cliente final.

São importantes os investimentos no visual da empresa e na adoção de tecnologias
modernas para a perfeita operação das diversas áreas de trabalho, mas considero um diferencial de
sustentabilidade do negócio ter uma equipe multifuncional preparada para atender plenamente as
diferentes necessidades dos clientes. Transmitir confiança, segurança e um relacionamento
personalizado ao cliente.

Temporário preparado gera lucro na empresa, por isso considero estratégico capacitar
antecipadamente esse profissional para que desempenhe seus serviços de acordo com os objetivos
da empresa.

Lembrando, que “uma prestação de serviços bem realizada terá o retorno do cliente para
novas compras!”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário